Estatísticas

Resumo de estudantes que beneficiam da bolsa de estudo interna.

Espelha-se aqui a síntese, que reflete os resultados na gestão do INAGBE, em termos de atribuição de bolsas internas, num determinado período.  Assim ilustra-se no gráfico o numero de bolseiros que se beneficiam das bolsas internas.  verifica-se no entanto, um crescimento gradual neste periodo; Os resultados globais espelham que beneficiaram-se da bolsa de estudo interna até ao momento, um total aproximado de  XXXXX estudantes bolseiros


Resumo do número de estudantes que beneficiam da bolsas de estudo internas por província.

Aqui aponta-se o número de estudantes que foram beneficiados com bolsa de estudo a nível das 18 províncias. Podemos aqui realçar o testemunho no cumprimento do que consta no Plano Nacional de Formação de Quadros (PNQ), no sentido de se alcançar uma distribuição equitativa de bolsas de estudos, por formas a que a formação profissional, seja proporcional nas diferentes províncias do país. Pode-se concluir, a partir do gráfico que existe uma distribuição desigual na atribuição das bolsas de estudo pelas províncias, tendo em conta de que a província de Luanda pela dimensão que apresenta a nível populacional,  é beneficiada com um número mais elevado, comparado com as demais províncias.


Atribuição de bolsas de estudo para cursos prioritários.

Na analise da atribuição de bolsas de estudo para cursos prioritários e não priorizadas permite avaliar a pertinência, conforme a estratégia nacional, em alcançar um equilíbrio na formação de quadros em áreas-chave para o desenvolvimento do país, conforme consta do PNFQ.


Estudantes com bolsa de estudo interna concluído por ano.

Espelha-se claramente o número total, que tem sido gerido no processo de atribuição bolsas de estudo internas; por formas a reduzir o défice de quadros e profissionais, que se tem verificado a nível do país. Podemos assim concluir, que o processo de atribuição de bolsas de estudo interna, tem contribuído muito no aumento do número de quadros formados, isto da graduação e agora também a nível da pós-graduação. Pois sem este apoio, supomos que muitos dos estudantes não teriam alcançado seus objetivos em terminar a formação.


Os estudantes beneficiam de bolsas de estudo por tipologia.

De acordo com as regras e procedimentos da instituição, as bolsas de estudo internas são classificadas em tipo A e tipo B. Essa designação, difere no valor de subsídio da bolsa. O gráfico abaixo espelha, a quantidade de bolsa interna por tipologia. Conforme ilustra o gráfico a seguir, onde espelha o maior número de estudantes que beneficiam da bolsa de estudos do tipo B.


Estudantes que beneficiam da bolsa através do Regime de Proteção  Especial (RPE).

Ilustra-se aqui, o número de estudantes que beneficiam da bolsa de estudos através do Regímen de Proteção Especial (RPE). Pois o regulamento das Bolsas de Estudos Internas, define para esta classe 20% do total de bolsas de estudo devem ser destinadas para estudantes de RPE.


Os estudantes que beneficiam de bolsas de estudo por gênero.

Espelha-se aqui o número de bolsas de estudo internas por gênero e avalia a atribuição de subsídios a este respeito. Conforme ilustra o gráfico a seguir, o género masculino tem sido amplamente beneficiado, na atribuição de bolsas de estudo interna comparado com o género feminino.