BOLSAS DE ESTUDO NA REPÚBLICA DA CHINA 2020

Estado: Fechada País: China Data de emissão: 08/01/2020 Data de limite: 13/02/2020

O Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudo (INAGBE) informa que estão abertas, até ao dia 3 de Janeiro de 2020, as candidaturas às bolsas de estudo de graduação e pós-graduação, para a República da China.

Para a graduação estão disponíveis cursos das áreas técnicas e tecnológicas e das ciências da saúde.

Para a pós-graduação estão disponíveis todas as áreas.

As candidaturas devem ser feitas no portal do INAGBE (inagbeonline.com)

Requisitos para a Candidatura às Bolsas de Estudo Externas(BEE) para os cursos de graduação*:

•Ter nacionalidade angolana e residência permanente no país;
•Ter idade não superior a 22 (vinte e dois) anos;
•Ter comportamento moral, cívico e patriótico de referência;
•Possuir média não inferior a 14 (catorze) valores, particularmente nas disciplinas de base para o curso escolhido, excepto se outra for a exigência do país doador;
•Não ter interrompido o ciclo de formação após a conclusão do II Ciclo do Ensino Secundário por um período superior a 1 (um) ano;
•Possuir aptidão física e mental, comprovada por Atestado Médico;
•Ter situação militar regularizada devidamente comprovada, para os cidadãos do sexo masculino;
•Preencher as exigências estabelecidas pelo país doador e acolhedor.

Requisitos para a candidatura às BEE para os cursos pós-graduação*:

•Ter nacionalidade angolana com residência permanente no País;
•Ter idade não superior a 35 (trinta e cinco) anos para cursos de mestrado e 45 (quarenta e cinco) anos para cursos de doutoramento;
•Ter comportamento moral, cívico e patriótico irrepreensível;
•Ter experiência profissional comprovada na área de conhecimento em que se formou e em que pretende fazer mestrado ou doutoramento;
•Apresentar um projecto de investigação científica da sua área de conhecimento, com relevância para o desenvolvimento local, regional ou nacional, validado pelo Conselho Científico de uma Instituição de Ensino Superior do País indicada pelo serviço competente do Órgão de Tutela;
•Ter domínio comprovado da língua inglesa, para frequentar programas de Mestrado ou Doutoramento em Inglês ao invés do Mandarim.
•Preencher os requisitos estabelecidos pelos países doadores ou acolhedores.

Documentos para a candidatura
•Bilhete de Identidade;
•Certificado de habilitações literárias e/ou diploma;

*Decreto Presidencial nº165/14, de 19 de junho, Regulamento de Bolsas de Estudo Externas